RADIO FREE

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Pai bandido posta vídeo ensinando filhos a serem criminosos "mete a fita neles"; veja o vídeo

post-feature-image

Um vídeo publicado no Facebook mostra a prática da bandidagem sendo transmitida como ensinamento de geração para geração.

Um pai filma seus filhos pequenos ensaiando como seria um assalto ou outra atividade criminosa do gênero. Ele não só filma como encoraja os pequenos a iniciarem cedo na vida do crime.

Nas imagens o rapaz registra do carro os pequenos saindo para o que seria mais um dia de bandidagem. O menino menor, com não mais do que 5 anos de idade, coloca uma arma na cintura e a esconde com a blusa. Ele é tão pequeno que o revólver fica enorme perto de sua cintura infantil. Outro menino, mais velho, está junto e segue as instruções do pai, que diz: ”Isso aí moleque, meter uma fita neles. Pode crer. Já corre fora vai lá meus bebezinhos. Vai lá, acelera, mete a fita neles igual o papai ensinou”.

E eles seguem obedecendo as ordens do pai, não se sabe se por brincadeira ou se realmente entendendo do que se trata.

Não se sabe onde e quando o vídeo foi gravado. Mas pelo sotaque do pai, provavelmente no interior de São Paulo ou de Minas Gerais. O material acabou sendo compartilhado na internet e nas redes sociais páginas que costumam divulgar fatos policiais também divulgaram. Numa delas o administrador da página pergunta faz as mesmas perguntas de sempre: onde estão os representantes dos Direitos Humanos, da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Ministério Público e do Conselho Tutelar?

E ainda faz um desafio questionando se algum destes órgãos tem coragem de enfrentar o pai dessas crianças.

As imagens deixam vários internautas indignados com o absurdo mostrado. São meninos que poderiam com estudo e oportunidade “quebrar” o ciclo da violência e da bandidagem.

Mas se no Brasil não há nem educação e nem oportunidades que deem conta de “salvar” meninos e meninas do caminho do crime e do tráfico ainda que eles contem com pais trabalhadores, como esperar coisas boas do futuro de crianças com pais que semeiam em casa a semente da bandidagem?

“O jeito é lembrar da cara dessas crianças, pois é certeza que encontraremos com elas futuramente”, diz uma internauta, ponderando que mais trabalho ainda tem que ser feito para mudar esse destino.

Outra internauta radicaliza e oferece mais perplexidade ainda ao material com um comentário no mínimo infeliz contra os menores, que não têm culpa do pai doente. Ela deseja que as crianças morram, como se essa fosse a solução para os problemas da violência urbana no Brasil: “Tomara que nem cresçam, pois filhos de vermes tem que ser exterminado antes (sic)”.

Reproduzido por MassapeCeara.Com|Créditos: Portal news365



0 comentários:

Postar um comentário