RADIO FREE

sábado, 15 de julho de 2017

Mãe pede autorização na justiça para a morte de sua filha; veja o vídeo

post-feature-image

A maioria dos países considera crime a prática da eutanásia, quando alguém decide pela morte assistida de uma pessoa que sofre algum tipo de enfermidade. Embora isso seja considerado crime em diversos lugares, alguns países já possuem leis para esse tipo de decisão polêmica envolvendo a vida de alguém.

A decisão divide a opinião de muitas pessoas, que acreditam que o sofrimento maior de alguém poderia ser a morte. Mas em alguns casos de doenças que impedem a vida normalizada de pessoas enfermas, alguns declinam a pensar que aquela deveria ser a melhor solução para quem já sofre há muito tempo, como a jovem Rose de apenas dez anos de idade.

A mãe da garota luta na justiça para que sua filha tenha direito de morrer após a pequena sofrer de diversas doenças que impedem Rose de viver de forma independente. A menina é cega e seu quadro de saúde é crônico, além disso, Rose vive em uma cadeira de rodas e Juliet luta na justiça para que ela possa interromper a alimentação e o uso de aparelhos por sua filha, que possui uma condição genética rara, responsável pelo quadro atual de saúde da pequena Rose.

Segundo entrevista realizada com Juliet, a jovem não desenvolveu o seu cérebro totalmente, fazendo com que Rose sofra convulsões diariamente, o que só agrava ainda mais o estado frágil da menina.

A mãe da menina que interromper a alimentação por tudo de Rose e a medicação que a criança utiliza todos os dias. A menina possui um histórico de internações e intervenções médicas longas, para uma criança de apenas dez anos. Recentemente, uma doença quase matou Rose, que teve uma piora registrada em seu quadro de saúde instável. Juliet entende que seu posicionamento é controverso, e que muitos pais saíram em defesa de sua filha, que precisa de cuidado constante de sua mãe.

Juliet tenta explicar que sua decisão não se baseia somente no fato de sua filha ser considerada uma deficiente, com suas complicações. A mulher diz no vídeo que ama sua filha, mas que sua decisão de interromper a vida da pequena se refere ao seu futuro e sua saúde debilitada. 

A mãe também fala da qualidade de vida que a pequena terá, já que sua condição não apresentará mudanças significativas com o passar dos anos, e Rose sofrerá para sempre. Uma equipe médica irá avaliar o caso de Rose, após o pedido de Juliet ser feito recentemente, e podem decidir sobre o futuro da criança. Embora muitas pessoas sejam contra a morte da menina, pode ser que decidam sobre a morte da Rose, como o melhor caminho para a criança.

Reproduzido por MassapeCeara.Com|Créditos: Portal news365


0 comentários:

Postar um comentário