RADIO FREE

terça-feira, 4 de julho de 2017

Advogada, repórter e modelo suspeita de envolvimento com o PCC é presa; mulher mais procurada do Brasil

post-feature-image

A Polícia Civil prendeu, na manhã desta terça-feira, em Ilhabela, litoral norte de São Paulo, a advogada Luana de Almeida Domingo, suspeita de envolvimento com a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

A advogada estava foragida desde o dia 1º de dezembro do ano passado, quando o Tribunal de Justiça decretou a prisão preventiva de 54 pessoas de receber dinheiro da facção criminosa.
Reproduzido por MassapeCeara.Com|Créditos: Band News


0 comentários:

Postar um comentário