domingo, 18 de dezembro de 2016

Homem é preso por estuprar a filha de 8 anos da sua ex-namorada

post-feature-image

Um homem foi preso pela #Polícia na sexta-feira (16), na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador (BA). Ele é o principal suspeito de ter violentado sexualmente a filha da sua ex-namorada, de apenas oito anos. De acordo com informações repassadas pela Polícia Civil, os estupros aconteciam na residência da mãe do suspeito. Ainda de acordo com a polícia, os abusos ocorreram quando o acusado tinha um relacionamento com a mãe da vítima.

Segundo informações da polícia da cidade, quando o indivíduo estava tendo o relacionamento com a mãe da menina, ele pegava a vítima e levava para a residência da sua própria mãe, localizada no bairro Mangabeira, onde era violentada pelo criminoso. Ainda de acordo com a polícia, em uma das vezes em que a menina foi violentada, a mãe do criminoso estava ausente. Já em outra ocasião ela estava dormindo e não viu o estupro.

Conforme consta no depoimento da mãe da garotinha, ela não sabia dos abusos que a sua filha vinha sofrendo pelo ex-namorado. No entanto, quando teve conhecimento dos fatos, de imediato foi até a delegacia fazer um boletim de ocorrência contra o acusado, relatando os abusos sofridos pela filha. Diante da situação, um mandado de prisão preventiva para o suspeito foi expedido pela Justiça.


Com o mandado de prisão em mãos os policiais se deslocaram até a residência do rapaz, localizada no bairro Papagaio, em Feira de Santana. O acusado foi preso pelos policiais da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes contra a Criança e o Adolescente (DERCCA). Em seguida ele foi levado por uma viatura da polícia para a 1ª Coordenadoria de Polícia Civil, onde prestou o seu depoimento. O suspeito foi atuado pelo #Crime de estupro de vulnerável. Caso seja condenado ele pode pegar mas de dez anos de cadeia em regime fechado.

Segundo informações da polícia, o sujeito vai ser encaminhado para uma penitenciária de Feira de Santana nos próximos dias. A polícia da cidade não soube informar se vai intimar a mãe do acusado para prestar seu depoimento. O caso segue sendo investigado pelas autoridades.




0 comentários:

Postar um comentário