quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Quatro acidentes em estradas cearenses, no intervalo de oito horas, deixam sete mortos e cinco feridos nesta quarta-feira


Na BR-020, em Caucaia, três estudantes universitários morreram quando o carro em que eles viajavam foi colhido por um caminhão

Quatro acidentes em estradas cearenses, no intervalo de oito horas, deixam sete mortos e cinco feridos nesta quarta-feira

O Corpo de Bombeiros resgatou os corpos dos três universitários, presos nas ferragens 
Sete pessoas morreram e cinco ficaram feridas, duas delas em estado grave, em quatro acidentes registrados no Ceará no intervalo de apenas oito horas, entre a tarde e o começo da noite desta quarta-feira (23).  Todos ocorreram em estradas que cortam os Municípios de Caucaia, Tamboril, Sobral e Mucambo.
O primeiro desastre aconteceu logo por volta de 14 horas no quilômetro 403 da BR-020, em Caucaia, onde um veículo modelo Agile foi colhido lateralmente por um caminhão. No carro estavam cinco estudantes universitários. Três deles tiveram morte imediata, sendo identificados como Gabriela Maria Carvalho Monte, 23 anos; Nayr Samara Silva, 18; e Giovanni Colao, 23.  Outros dois ficaram feridos. Pedro Iori, em estado grave, está hospitalizado.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a colisão lateral pode ter sido provocada por uma ultrapassagem indevida. Uma equipe da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) esteve no local realizando levantamentos técnicos para elaborar um laudo que dirá as causas do desastre. Os corpos foram removidos para a Coordenadoria de Medicina Legal (Comel), na Capital.
Outros
Duas horas depois, outro grave acidente de trânsito deixou duas pessoas mortas e três feridas na rodovia estadual CE-321, que liga os Municípios de Sobral e Mucambo, na Região Norte do Estado. Uma caminhonete Hilux capotou em alta velocidade nas proximidades do Distrito de Rafael Arruda, zona rural de Mucambo (a 274Km de Fortaleza)
 O veículo era ocupado por cinco pessoas e seguia para a cidade de Pacujá. Duas tiveram morte imediata.  Os mortos foram um jovem identificado apenas por César e sua mãe, Cleonice. Já os três  feridos foram encaminhados em ambulâncias para a Santa Casa de Misericórdia de Sobral.
E no começo da noite, por volta das 19 horas, o terceiro acidente fatal ocorreu na zona rural do Município de Tamboril (a 282Km de Fortaleza). Foi na localidade de Sossego. Onde uma colisão envolvendo uma motocicleta e uma caminhonete modelo Montana resultou na morte do piloto da moto, o agricultor José Soares de Araújo, 55 anos, que residia no Assentamento São João, próximo ao local do desastre. 
O quarto desastre ocorreu às 22 horas envolvendo uma carreta e uma motocicleta na BR-222, em Sobral. O motoqueiro identificado como André Ferreira de Loiola, 36 anos, teve morte imediata. Ele morava na localidade de São Lourenço, na zona rural do Município de Forquilha. 
Por FERNANDO RIBEIRO 

0 comentários:

Postar um comentário