sábado, 5 de novembro de 2016

Polícia procura mulher que teria estuprado homem

post-feature-image

O estudante de 21 anos diz que a moça ameaçou acusá-lo de estupro caso ele se recusasse a manter relações sexuais com ela.

A Polícia Civil de Praia Grande, no litoral de São Paulo, ainda não identificou quem é a mulher que estuprou um estudante de 21 anos, na última terça-feira (1°), após o jovem ter descido do ônibus em um bairro da cidade. Durante toda a sexta-feira (4), as autoridades colheram informações que possam ajudar a esclarecer o que de fato aconteceu. Com informações do G1.

O estudante alega que a moça contou que havia acabado de terminar um relacionamento e, aparentando estar alcoolizada, ameaçou acusá-lo de tentativa de estupro caso ele se recusasse a manter relações sexuais com ela. De acordo com as investigações, a suspeita é que, em um primeiro momento, a mulher tenha tentado forçar o rapaz a ir para a sua casa, mas, no meio do caminho, exigiu sexo no meio da rua. Imagens de câmara de monitoramento instaladas nas proximidades do local podem ajudar a esclarecer a situação, segundo os investigadores.

O chefe da Delegacia Sede de Praia Grande, delegado Alexandre Comin, afirmou que o jovem, que só registrou o caso após falar com a mãe, foi encaminhado a um hospital da cidade para tomar um coquetel de medicamentos, uma vez que, segundo ele, a camisinha estourou durante o ato.




0 comentários:

Postar um comentário