quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Polícia Militar desarticula associação criminosa e recupera cheques e documentos bancários roubados

post-feature-image

A Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE) recuperou mais de 130 malotes de cheques e documentos bancários que haviam sido roubados por um grupo composto por cinco homens e uma mulher. Os seis suspeitos foram presos e reconhecidos pelo delito. O caso ocorreu, na madrugada dessa terça-feira (8), e as capturas dos criminosos foram efetuadas durante a tarde, por militares do Batalhão de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), no Jardim Jatobá, bairro Bom Jardim – Área integrada de Segurança 2 (AIS 2) de Fortaleza.

José Wilson Ferreira Batista (39) – que responde por roubo –, além de Gonçalo Ferreira de Sousa Neto (23), Elenilson Soares de Oliveira (41), Felipe Paiva Lima(25), Mikail Wallace Moura de Menezes (28) e Francisca Ariane dos Santos Pontes(24), todos sem antecedentes criminais, foram interceptados em uma residência situada na Rua Brilhante. No imóvel, a Polícia recuperou os papéis roubados por eles: mais de 130 malotes contendo folhas de cheques preenchidos e documentos administrativos de diversas agências bancárias.

O grupo havia subtraído o material do carro que o transportava. O motorista do veículo foi abordado pelos criminosos na Rodovia BR-222, na localidade de Catuana, em São Gonçalo do Amarante (AIS 7). Os suspeitos, armados e em três carros, abordaram a vítima, exigiram que parasse o automóvel e a conduziram para uma estrada carroçável para tomarem os documentos. Em seguida, abandonaram o transporte da empresa no local e levaram o motorista até Maranguape, onde largaram a vítima.
Os policiais chegaram ao bando após serem acionados sobre o comportamento suspeito deles via Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops). Durante a abordagem ao grupo, que estava numa residência, dois dos criminosos tentaram empreender fuga pulando os muros da vizinhança, mas logo foram capturados. Na tentativa de fuga, um deles se feriu no braço e precisou de atendimento médico.Além dos papéis, os agentes de segurança apreenderam um simulacro de pistola, a quantia de R$ 106,00, sete celulares e um notebook, além de um carro Chevrolet Celta, de cor cinza e placas OCD-9216, e um VW/Cross Fox, de cor preta e placas NUW-3122, que estavam estacionados em frente à casa.

Os presos foram conduzidos para a Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) e autuados em flagrante por roubo e associação criminosa, com base nos artigos 157 e 288 do Código Penal, respectivamente. Eles foram reconhecidos pelo assalto, e as investigações sobre o caso seguem com a especializada, que já vinha realizando apurações sobre ocorrências semelhantes. Conforme levantamento policial, há suspeita de que os infratores utilizariam o material roubado em outros crimes.





0 comentários:

Postar um comentário