terça-feira, 1 de novembro de 2016

Em Barbalha-Ce, mais 4 detentos serram as grades e fogem da cadeia pública

post-feature-image

A polícia de Barbalha ainda não descobriu o paradeiro dos quatro detentos que serraram as grades e fugiram da cadeia pública na madrugada de ontem. Já na última sexta-feira foi atirado para o interior da cadeia de Crato um pacote contendo drogas e um aparelho celular.

Em Barbalha, fugiram do cárcere Odair Vidal Moreno, residente na Travessa João Cavalcante, 09 (Bairro Sagrada Família) em Jucás; e Luciano da Silva Pereira, de 25 anos, o “Lulu” que mora na Rua Padre João Moretti, 487 (Jardim Gonzaga) em Juazeiro.

Além destes, Diego Júnior Lourenço da Silva, residente na Rua Antonio Lira Cruz, 137 (João Cabral) em Juazeiro; e Thalver Oliveira Dantas, de 25 anos, que reside na Rua João Correia de Oliveira, 54 (Juvêncio Santana) também em Juazeiro. Dentre outros crimes, Odair assassinou a tiros Jonata Tomas Lima no dia I7 de abril de 2015 no município de Jucás.

Já Luciano é acusado de um crime de lesão corporal em janeiro de 2012 em Juazeiro e, no dia 19 de junho do mesmo ano, foi preso em sua casa sob a acusação de agredir sua companheira Márcia Cordeiro, de 20 anos o que voltou a acontecer no dia 13 de junho de 2013 quando foi preso na Rua Árvore de Natal no bairro Frei Damião. Outro crime de violência doméstica a ele atribuído foi contra Elisiana do Nascimento Santos no dia 26 de agosto de 2013 em Juazeiro.

Enquanto isso, no dia 27 de novembro de 2014, Luciano foi preso em Barbalha após a prática de assalto a mão armada na Avenida João Evangelista Sampaio perto do Engenho Venha Ver no Sítio Lagoa. Além dele, os PMs prenderam José Wanderson Alves Gonçalves, o “Boicota”, residente na Rua Poeta José Bernardo (Triângulo), com um revólver calibre 38 tendo cinco cartuchos intactos, três aparelhos celulares roubados e a moto Honda Fan de cor preta e placa OSE-5336 na qual trafegavam

Diego responde por crimes de roubos e furtos em Juazeiro e Barbalha, enquanto Thalver é acusado de crimes de estupro e assaltos em Ipaumirim. No dia 4 de agosto de 2014 ele foi preso em um casebre na Avenida Perimetral Leste no bairro Cirolandia em Barbalha. Ele estava com uma pistola de plástico, relógios, celulares, um capacete, uma bolsa feminina com cartão da Caixa Econômica e a moto que usava em assaltos.

No imóvel, estavam ainda Francisco Adailton Rocha da Silva, de 22, o "Dadinha", Antônio Geovanni Silva Santos, de 20, e o adolescente de iniciais G. S. S., de 15 anos. Já no dia 7 de setembro de 2015 Thalver foi preso em Várzea Alegre após se envolver num acidente com um Fiat Siena. A polícia descobriu que o carro era roubado e o mesmo estava com um revólver calibre 38.




0 comentários:

Postar um comentário