quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Vídeo mostra mulher sendo arrastada, momentos antes de ser estuprada por criminosos, veja



post-feature-image

Uma mulher de 34 anos foi levada à força para um banheiro, onde acabou sofrendo um #Estupro coletivo. O #Crime aconteceu em um bar em São Gonçalo, que fica na região metropolitana do Rio de Janeiro, na madrugada do último dia 17, segunda-feira. O que os criminosos não sabiam é que havia uma câmera de segurança no local, que gravou o momento exato em que a mulher foi levada e agora as imagens estão ajudando a polícia nas investigações.

No #Vídeo é possível ver os estupradores pegando a vítima e entrando com ela no bar de São Gonçalo, depois eles saem do banheiro como se estivessem comemorando o feito. Só que, infelizmente, a madrugada de terror daquela mulher não acabou aí, pois após sofrer o estupro coletivo ela ainda foi arrastada para uma rua onde chegou a ser muito agredida. Felizmente, naquele momento apareceu uma viatura da Polícia Militar e assim que foi avistada pelos estupradores, saíram todos correndo, deixando a mulher caída no chão.

As investigações tiveram início tão logo o caso chegou às mãos da delegada e dois menores envolvidos no estupro coletivo já foram apreendidos no mesmo dia. São pelo menos 10 estupradores e todos já foram devidamente identificados e estão sendo procurados.

A pedido da delegada Débora Rodrigues, titular da DEAM-São Gonçalo, a vítima já foi incluída no "Programa de Proteção à Testemunhas", pois a mulher estava correndo sério risco de vida se continuasse residindo no bairro, já que os envolvidos no estupro coletivo possuem vários colegas na mesma região e eles poderiam acabar se vingando dela.

No vídeo abaixo é possível ver o momento exato em que a mulher é arrastada à força, momentos antes de ser estuprada:

 
Os menores, além de estarem envolvidos no estupro coletivo, também fazem parte do esquema de tráfico de drogas no Morro dos Macacos, em Vila Isabel. A delegada afirmou que não vai deixar a vítima sem proteção em nenhum momento e que ela até já saiu de São Gonçalo.

A mulher estava em um bar com seu amigo quando foi abordada por pelo menos quatro jovens, todos ligados ao tráfico de drogas na região. Ao ser arrastada para o banheiro, foi violentada pelos jovens e outros homens que chegaram ao local, sendo que o estupro coletivo foi realizado por pelo menos 10 criminosos que a obrigaram a fazer sexo e depois a agrediram com chutes e socos.


Informaçoes. massapé, com

0 comentários:

Postar um comentário