domingo, 2 de outubro de 2016

21 candidatos foram presos no País, segundo TSE

Antes mesmo do início da votação, dois candidatos foram flagrados cometendo crime eleitoral.
Antes mesmo da abertura dos locais de votação, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já registrava ocorrências em diferentes localidades do país relacionadas às eleições 2016. No primeiro boletim divulgado pela Corte, até as 7h30 deste domingo (2) três ocorrências envolviam candidatos, duas delas resultaram em prisão. 

Um candidato em Passo de Torre, Santa Catarina, e um candidato no município de Tupã, São Paulo, foram presos por divulgação de propaganda. A Bahia também registrou uma ocorrência de boca de urna por candidato, mas o caso não resultou em prisão.

Já por volta das 10:50, segundo dados do TSE, 21 candidatos foram presos em flagrante em todo o país. Dentre eles, quatro foram presos por boca de urna, 14 por propaganda não permitida, dois por corrupção eleitoral e um por motivo não informado. O TSE ainda informou que outros 19 candidatos tiveram ocorrências registradas, mas não foram presos. 

Fonte: Agência Brasil

0 comentários:

Postar um comentário