sexta-feira, 30 de setembro de 2016

VALE A PENA VER DE NOVO: Vídeo mostra briga entre jornalista e candidato a senador no Acre

Matéria exibida no Site G1 em 11/08/2010 14h30 - Atualizado em 11/08/2010 14h52.


João Correia (PMDB) trocou insultos com apresentador de emissora. "Fui espancado", disse Correia. 'Ele estava desequilibrado', disse jornalista.

Um vídeo que registra a pancadaria entre Demóstenes Nascimento, apresentador da TV 5, afiliada da Rede Bandeirantes no Acre, e o candidato ao Senado João Correia (PMDB-AC), foi parar na internet nesta quarta-feira (11). O material foi gravado na tarde desta terça (10) para um programa de entrevistas que seria exibido pela emissora na noite do mesmo dia. O programa não foi ao ar.

Segundo Nascimento, a emissora realiza uma rodada de entrevistas com os candidatos ao Senado pelo Acre. A certa altura da gravação com Correia, o candidato aparece no vídeo insultando o apresentador: “Você é um merda de nada, rapaz...” Demóstenes revida: “Merda é você, rapaz”.

A gravação foi postada no site YouTube na manhã desta quarta (11). São 45 segundos de bate-boca. O jornalista afirmou que o vídeo exibido pelo site é autêntico, sem edição.

O candidato acusa o apresentador de ter ligações com o governo do Acre. “Você é uma criatura... Ah, com educação, com educação, seu lacaio. Você é um lacaio, um empregado do governo e ponto final”, afirmou Correia.

O jornalista então resolve encerrar a entrevista e é quando a briga começa. “Nós vamos encerrar nossa entrevista aqui, porque não dá para conversar com este cidadão. Corta.”

Versão do jornalista

Por telefone, o jornalista Demóstenes Nascimento relatou sua versão ao G1. “A direção da televisão reuniu todos os representantes de coligações para a gente fazer uma rodada de entrevistas com candidatos ao Senado e depois ao governo. As mesmas perguntas foram separadas para todos os candidatos, tudo certinho.”

Ainda segundo o jornalista, foi no momento em que a entrevista foi encerrada que o candidato se irritou. “O cara estava completamente desequilibrado, fugiu das perguntas para denegrir a imagem de todo mundo. Ele começou a me xingar e tive de encerrar a entrevista porque não tinha como colocar aquilo no ar. Aí, cancelei a entrevista e ele veio pra cima de mim e tive que me defender”, afirmou.

Tanto o jornalista quanto a emissora de TV prometeram acionar judicialmente o candidato.

Versão do candidato

Ao G1, depois de prestar depoimento à polícia nesta quarta, João Correia disse que o episódio “não foi uma briga”, mas um “espancamento”.

“Não foi briga. Eu fui espancado. Não tive nem chance de me defender”, afirmou Correia.

O candidato disse ter sido agredido pelo apresentador por ter feito acusações sobre supostas irregularidades que envolveriam os proprietários da emissora de TV que organizou a entrevista. Correia disse que o partido irá acionar a Justiça Eleitoral para apreender a fita e adotar as medidas cabíveis.

“O partido vai ingressar na Justiça Eleitoral para fazer a apreensão da fita. Não sou grande coisa, mas também não sou o Escadinha, o Bandido da Luz Vermelha. O meu medo é que isso vire bala de fuzil. Mas eles não vão me parar. Só se me matarem”, avisou Correia.

Fonte: G1 com YouTube

0 comentários:

Postar um comentário