terça-feira, 6 de setembro de 2016

Detran e PRE anunciam queda de 36,12% de vítimas fatais em agosto de 2016.

post-feature-image

O Detran considera que esses índices são uma prova da continuidade das atividades de fiscalização, nas rodovias estaduais, que contam com operações permanentes da Polícia Rodoviária Estadual.

Caiu em 36,12% o número de vítimas fatais por acidente de trânsito nas rodovias estaduais, segundo dados anunciados pelo Detran e PRE, apurados em agosto, em relação ao mesmo mês do ano passado. Foi o maior índice alcançado nos últimos anos em relação à queda de vítimas fatais por acidente de trânsito nas rodovias estaduais: foram 23 casos em 2016 contra 36 casos registrados em agosto de 2015. No caso de óbitos de motociclistas, a queda foi ainda maio: 65,56%. Doze este ano e 27 em agosto de 2015.

Agosto confirmou a tendência de queda registrada em 2016. De janeiro a agosto deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado, houve redução do número de vítimas fatais: 212 vítimas, contra 261 óbitos registrados nos oito primeiros meses de 2015. Isso representa uma queda de 19%. Quanto aos motociclistas, houve também uma queda de 18% no número de óbitos de janeiro a agosto deste ano, com 120 casos, em comparação com o mesmo período de 2015, quando ocorreram 147 casos.

O Detran considera que esses índices são uma prova da continuidade das atividades de fiscalização, nas rodovias estaduais, que contam com operações permanentes da Polícia Rodoviária Estadual, com mais de 20 postos fixos espalhados pelo Estado, e o trabalho diário de fiscalização desenvolvido pelo Detran, nas suas operações na Região Metropolitana de Fortaleza, nos municípios do Litoral e das regiões serranas e do sertão.

Durante os oito primeiros meses de 2016, foram seis meses seguidos – de janeiro a junho – de queda no número de vítimas fatais nas rodovias estaduais: 13 em janeiro, contra 18 em janeiro de 2015; 26 em fevereiro, contra 30 em 2015; 26 em março, contra 27 em 2015; 27 em abril, contra 30 em 2015; 18 em maio, contra 34 em 2015; e 26 em junho, contra 33 em 2015; em agosto de 2016 também houve queda: 23 contra 36, em 2015. O único mês em que houve mais casos de óbito em acidentes de trânsito foi em julho: 38 em 2016, contra 30 em 2015.


Com Informações do MassapeCeara.Com/News Time Ceará

0 comentários:

Postar um comentário